KMZ ASSOCIADOS

por Kleber B. Ziede

Planejamento Estratégico em tempos de crise

Leave a comment

A importância do pensamento estratégico para o crescimento das empresas é uma prática que muitos empresários e executivos conhecem, mas poucos praticam.

O empresário brasileiro é pouco afeito ao pensamento estratégico e ao planejamento de longo prazo. Dedica quase que integralmente o seu tempo a administrar o dia a dia e, quando chega ao final do ano, faz um balanço dos seus resultados e segue trabalhando e administrando o seu negócio da mesma forma e cometendo os mesmo erros no ano seguinte.

Essa é a dura constatação com a qual nós, profissionais da KMZ Associados, nos deparamos ao longo dos últimos anos em nossos trabalhos de consultoria em Gestão Estratégica de empresas, especialmente em pequenas e médias empresas.

Momentos de crise como o que vivemos no Brasil e no mundo são fruto de desequilíbrios, que podem ser políticos, econômicos, legais, dentre outros fatores, que causam rupturas e reações sociais, levando-nos a uma nova situação de acomodação com o tempo.  Nestes momentos, empresários e executivos culpam a crise pelos maus resultados em suas empresas, quando na verdade a crise é uma situação resultante, uma conseqüência das rupturas não previstas, porém anunciadas nas entrelinhas dos fatos e acontecimentos. Foi a ausência da visão e da reflexão estratégica que os levou, em parte, aos maus resultados.

Logicamente as empresas não precisam de uma crise para ir mal. As pequenas ineficiências e os quase imperceptíveis desperdícios do dia a dia se transformam em custos e perdas absurdos, se potencializados ao longo dos anos. E esses aspectos passam batidos ou são ignorados em nome de resultados maiores ou da atenção a problemas prioritários, como por exemplo, as crises.

Em tempos de rupturas e mudanças em que vivenciamos atualmente, tanto no Brasil quando em outros países, o foco dos empresários se circunscreve às vendas, à gestão do caixa e na redução de custos e despesas, o que não está errado, porém, poucos ampliam o seu cenário e avaliam as oportunidades que surgem ou emergem à sua frente, justamente porque estão focados nos problemas e não nas oportunidades que surgem. Justamente porque não sistematizaram o pensamento estratégico e não se utilizam do planejamento estratégico empresarial como uma ferramenta de gestão do seu negócio para o futuro.

Um dos fatores que mais causou rupturas e crises nos últimos anos, em especial no meio econômico empresarial foi a inovação tecnológica. Os meios de comunicação revolucionaram a forma de interação entre as pessoas, a forma de se trabalhar, acessar a informação, contratar serviços e muito mais. Com isto, muitos negócios literalmente se extinguiram e muitas empresas foram obrigadas a mudar o seu modelo negócios para sobreviver.

Apesar desta enorme lição, a maioria dos gestores continua com um foco muito imediatista, centrado no curto prazo e não desenvolvem planos de longo prazo.

Crescimento sustentável com eficiência, produtividade e inovação, somente serão alcançados com visão e investimentos no longo prazo, com estratégias claras e bem definidas, planos simples e organizados, com disciplina na execução e atenção aos detalhes da gestão.

Kleber B. Ziede, Economista e sócio da KMZ Associados

Author: kleberziede

Economista, Pós graduado em Planejamento e Gestão , Pós graduado em e Administração Financeira, Especialista em Governança Corporativa, Sócio Sênior da KMZ Associados

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s